#VIOLÊNCIA “Sem terra temem que Santa Tereza repita a chacina de Pau D'Arco"

Uma comitiva de solidariedade visitou nesta segunda-feira (17/7) o acampamento Hugo Chávez, que tem sido atacado sistematicamente por pistoleiros, na fazenda Santa Tereza, em Marabá.
Conforme a nota do MST, um novo ataque teria ocorrido na semana passada, com fogo ateado ao redor da ocupação.
A ação dos pistoleiros consiste em disparos de tiros e bombas, bem como a queima de barracos e roças, e ameaças com a mediação de funcionários da fazenda, acusa o movimento. 
Os acampados denunciam que as roças de feijão, fava e mandioca foram queimadas na semana passada.
O acampamento está localizado na fazenda Santa Tereza, município de Marabá (Pará), que seria de propriedade do fazendeiro Rafael Saldanha.
Mas, há três anos que ativistas do MST ocupam a fazenda.
Nestes 3 anos, ocorreram outras ações de ataque ao acampamento Hugo Chávez.
São ataques a tiros e bombas incendiárias e de contenção de distúrbio civil usadas pela tropa de choque e que são adquiridas pelo governo com a fabricante nacional Condor (que novamente, confirma a participação de policiais militares a serviço do agro negócio).
Segundo denúncias, o fazendeiro Rafael e o irmão, Osvaldo Saldanha, estariam pagando milicianos da própria PM para atuarem como capangas.
“Semana passada recebemos a visita de um dos gerentes da fazenda onde o mesmo nos ameaçava, dizendo que poderíamos a qualquer momentos ser surpreendidos pelos tiros dos seguranças da fazenda e que deveríamos evitar transitar na estrada que nos leva ate cidade” relatou o trabalhador rural acampado, de prenome Polly.
Ele diz que no final de semana passado, as roças foram queimadas, e a produção de feijão, fava e mandioca foi perdida.
300 famílias habitam o acampamento, que conta com escola que atende a 180 pessoas, entre crianças, jovens, e adultos.
E, considerando a grane quantidade de crianças e mulheres no acampamento, e temerosos com uma ação similar a de Pau D’Arco, os acampados estão a fazer esta denúncia, aqui registrada

.
Fonte © #TRIBUNADOSALGADO
Tecnologia do Blogger.