#CULTURA “Secretário Rivaldo quer avançar na gestão do Conselho Municipal”




Anunciado como uma de suas mil obras durante a campanha de Padre Nelson à reeleição, o Conselho Municipal de Cultura ainda é um processo estacionado na própria secretaria municipal de cultura.
Mas, depois que trocou o mandato de Vereador pelo de secretário, o advogado Rivaldo Miranda tem se focado em enquadrar Bragança no Sistema Municipal de Cultura, medida fundamental para que Bragança acesse mais recursos para o setor.
E um dos pré-requisitos básicos é a Le Municipal de Cultura, aprovada e outorgada, desde o ano passado; o Fundo, que deverá ser instituído; e o Conselho, cujo processo, o secretário quer fazer avançar.
O secretário Rivaldo ainda tem dúvidas se institui o Conselho do jeito que está, se a modifica, ou se convoca uma conferência e submete a mesma esta decisão, de qualquer forma, ele não quer se precipitar, mas resguardar a legalidade do processo.
Quando a Lei foi aprovada pela Câmara em 2016, criou-se um grupo de trabalho, que ficou com a responsabilidade de colaborar com a SECULD para viabilizar a implementação da Lei, no que se refere a sua composição.
O grupo fechou uma proposta, e entregou ao então secretário Aleno Miranda, que a reencaminhou ao prefeito, que não a assinou, entretanto, com o processo em mãos, Rivaldo Miranda vai reunir com sua equipe, e dialogar com a sociedade para chegar a um consenso e resolver a questão.
Este grupo chegou a um consenso, com relação a composição do Conselho Municipal, que deve representar os diversos anseios das categorias que compõem a sociedade civil no campo cultura
Nós compomos este GT e temos uma posição sobre o mesmo: Nossa proposta é a de um modelo, segundo o qual, apesar de vinculadas as entidades de categoria, as representações da sociedade civil tem de estar dissociadas de suas especificidades setoriais, procurando abrange a complexidade da natureza da cultura dentro de uma dimensão antropológica. Não podemos limitar o Conselheiro a um representante de categoria, mas de porta voz de uma comunidade que é diversa e ampla, aberta e plural, e que tem em consenso a proteção e a difusão da cultura e da arte numa perspectiva global. Vamos aguardar o secretário e confiar nas suas boas intenções, colocando-nos desde já á sua disposição para colaborar com o engrandecimento cultural de nosso Município.


                                                Fonte © #TRIBUNADOSALGADO
Tecnologia do Blogger.