#CINEMA “FICCA chama comunidade para filmar a alma das ruas de Bragança do Pará”



Obra inédita do professor e pesquisador José de Ribamar Oliveira, “A ALMA DAS RUAS”, que conta uma parte da(s) história(s) e estória(s) de ruas e bairros bragantinos, vai virar série documental.
Com patrocínio do governo do Pará, via imprensa Oficial e Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves, o livro, que será um presente aos amantes do Município, deve ser lançado em Maio deste ano.
Autor de diversas obras e atual presidente regional da Academia de Letras do Brasil (ALB), o imortal Ribamar Oliveira convidou o diretor/editor da #TRIBUNADOSALGADO, poeta e realizador Francisco Weyl, para dirigir este projeto audiovisual, cujas produção e filmagens estão previstas para acontecer entre Fevereiro e Abril.
Serão dez Mini-DOCs, padronizados, de cinco minutos, assinados pelo FICCA – FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DO CAETÉ,para formar um único projeto, de duração de 50 minutos, no total, sendo que, em cada um deles, o próprio professor Ribamar percorre as ruas, fala sobre elas, e conversa com moradores.
Além das externas, a produção envolve filmagens de estúdio, e a montagem vai priorizar ainda entrevistas de antigos moradores, além das cenas captadas no momento atual, nestas mesmas ruas, cujas histórias serão contadas pelo professor Ribamar Oliveira.
Francisco Weyl diz que vai realizar esta experiência no âmbito de uma oficina gratuita, aberta ao público, e cujos participantes serão convocados a participar das equipes para desenvolver este projeto audiovisual.
O primeiro encontro, aliás, com as pessoas interessadas em participar do “PROJETO A ALMA DAS RUAS” deverá ocorrer no dia 20 de Fevereiro. Interessados em participar, manter contato por telefone 98847-7777 (Francisco Weyl).


                                                  Fonte © #TRIBUNADOSALGADO

Tecnologia do Blogger.