#BANCÁRIOS “Greve termina com ganho real sobre os salários”

As agências bancárias voltarão a funcionar normalmente nesta sexta-feira (7/10).
A greve da categoria foi a maior de todos os tempos, 31 dias.
O comando nacional  sindical aprovou a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban).
Os bancários conquistaram um reajuste de 8% a 10% no vale alimentação, 15% na cesta alimentação, e R$ 3500 de abono salarial único.
Também foi garantido o aumento real de 1% em todos os salários.
Aqui no Pará, no período do dissídio coletivo, os bancários têm feito greves que entram pela maior festa do Estado, o Círio de Nazaré.
O economista supervisor do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos, DIEESE-Pará, Roberto Sena, acompanha há 30 anos o embate entre os trabalhadores e as instituições financeiras.
Ele diz que as campanhas protagonizadas pelas entidades dos trabalhadores bancários têm obtido grandes resultados para a categoria.
Podem não ser acordos excepcionais, até porque nenhum segmento tem conseguido êxito e realizado acordos excepcionais país afora, mas, a despeito disso, os avanços nestes acordos realizados pelos bancários são substanciais, de acordo com o economista.
Os bancários conquistaram aumentos reais de salário nas negociações salariais desde 2004.
Em dez anos, o aumento da remuneração média no setor bancário foi de 13,6% acima da inflação.  O aumento maior (16,9%) ocorreu nos bancos públicos. Nos bancos privados, o aumento médio da remuneração foi de 8,8%. 

Sena observa que, independentemente de Governo, os bancos sempre lucraram, e, na hora que sentem os lucros ameaçados, querem que os bancários paguem a conta.


Fonte © #TRIBUNADOSALGADO
Bragança > 6 de Outubro de 2016

EXPEDIENTE > TRIBUNA DO SALGADO (tribunadosalgado@gmail.com) DIRETOR/EDITOR/JORNALISTA RESPONSÁVEL: Francisco Weyl (DRT-Pa: 2161) / DIRETORA DE PRODUÇÃO: Dri Trindade ENDEREÇO: Avenida Marechal Floriano Peixoto, 1613, Centro, Bragança, Pará, CEP: 68.600-000 (Telefone: 0055-91 – 988212419). Ideias, críticas e sugestões serão bem vindas, mas ao escrever para o jornal, é necessário informar RG e CPF, endereço completo e contatos de fone e email. Este jornal não publica cartas e denúncias anônimas ou acusações sem provas e os artigos são de responsabilidade dos seus autores.
Tecnologia do Blogger.