#PRESSÃO “Greve por atraso de salários derruba secretária de educação”

Bragança > 30 de Agosto de 2016

A professora Maria da Conceição Pinheiro não responde mais pela Semed – Secretaria Municipal de Educação.
A informação, em primeira mão, foi dada agora a pouco por fonte seguríssima.
Conceição substituiu ao Professor Robson, que comandou a pasta durante um ano.
Apesar das queixas políticas, uma quase CPI motivada por denúncias de irregularidades, e a greve dos professores por causa do atraso dos salários, ela deixou um bom legado político.
Em dois anos, ela avançou o setor e o colocou como oi mais bem avaliado do governo.
Mas, a pior das ameaças que sofreu foi quando o prefeito tentou colocar sua arqui-inimiga Eulina no lugar de Conceição.
Mulher de palavra e fiel aos seus princípios, manteve-se como um cão de guarda do prefeito Nelson, coisa que pouco se vê em muitos secretários que se mantem do lado do prefeito mas pelas costas o ignoram.
Foi a Semed quem segurou administrativamente a gestão, inclusive, demandando e favorecendo ações estruturais de toda a prefeitura.
Pelo menos dez escolas foram reformadas no tempo em que comandou a Semed.
E mais de vinte estão em construção com recursos do governo federal.
Foi na sua gestão que os professores foram eleitos democraticamente.
E também na sua gestão foi criada a Lei Municipal e eleito o Conselho de Educação de Bragança.
É de destacar também o fato de Bragança adquirir mais de 50% de produtos da agricultura familiar para a merenda escolar.
E ainda as diversas ações de departamentos e setores que são “linkados” a programas nacionais como o pro-Jovem, entre outros.
A falta de indicadores também é uma das lacunas desta gestão na educação.
Não sabemos quantas crianças estão dentro nem fora da escola.
E é uma dificuldade também saber número de professore e servidores, concursados e temporários.
E isso, apesar do Portal da Transparência ter obrigado a prefeitura a disponibilizar contracheques de servidores no seu site.




                                            Fonte © #TRIBUNADOSALGADO
Tecnologia do Blogger.