#PASTORAL > “Juventude Perpétuo Socorro realizou 1º Sarau”

Bragança, 22 de Agosto de 2016

Era sábado,  20 de agosto de 2016.
Veio gente de todos os cantos.
A maioria, pré-adolescentes e jovens entre doze e vinte e cinco anos.
São quase todos filhos e filhas  de Bragança.
Participantes dos mais de vinte grupos de jovens agregados à Pastoral da Juventude da Paróquia do Perpétuo Socorro (PJPPS).
A PJPPS conta com 21 grupos de base, sendo 10 no bairro Perpétuo Socorro, e 11 nas comunidades rurais  vizinhas.
São mais de 17 anos de experiência em evangelização da juventude.
Pela via de diversas atividades entre estes grupos centenas de jovens recebem orientação ética e moral religiosa.
E assim transformam as suas vidas e acreditam em valores como a solidariedade e a justiça social.
E foi sob este espírito que a PJPPS realizou neste fim de semana o seu primeiro Sarau.
Sob o tema “Juventude valorizando suas raízes culturais, construindo sua casa comum”, o evento contou com a presença de centenas de pessoas da comunidade do entorno.
Dedicado a poetisa bragantina CIRENE MARIA DA SILVA GUEDES, o Sarau contou com diversas participações.
Oficinas, rodas de conversa, leitura de poesia, dramatização, dança e música, tudo junto e misturado.
O ponto alto foi o desfile de MODA SUSTENTÁVEL, sem dúvida uma ousadia em tempos de atentados contra a natureza.
Os jovens esbanjaram criatividade com a sua arte e a sua concepção ecológica de moda.
Registramos este momento com a alegria de quem representou a poeta homenageada.
Na condição de sobrinho da “Tia Cirene”, estivemos presentes e assistimos a um projeto audiovisual sobre a trajetória da poeta.
E também participamos da mesa de abertura.
Ali destacamos claramente a importância deste ato da juventude de saudar uma poeta de sua própria terra.
Afirmamos este valor que nos irmana com o as nossas raízes ao mesmo tempo nos projeta para a construção de uma história contada pelos seus próprios atores.
Parabéns a Pastoral da Juventude da Paróquia do Perpétuo Socorro.


                                   Fonte © #TRIBUNADOSALGADO (texto: Francisco Weyl)
Tecnologia do Blogger.