#CRISE “Bragança poderá ficar sem merenda escolar”

Bragança > 5/8/2006 >
Não faz um mês, o Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e o Ministério Público fizeram uma devassa nas licitações da prefeitura de Bragança.
O alvo foram os contratos são relativos aos anos desta gestão, a partir de 2012, até 2015.
Na ocasião (19/7), foram apreendidos documentos e mídias nas secretarias de Educação, Saúde e Finanças.
Entre os documentos, estavam aqueles relativos aos processos licitatórios da merenda escolar.
E para piorar, estão ficando desabastecidos os produtos para a merenda escolar do Município.
Impedida de fazer licitações, a prefeitura poderá usar o argumento da extrema necessidade para continuar a comprar os produtos, pelo menos, da agricultura familiar.

 Foto © #DRITRINDADE


Bragança se destaca nacionalmente como o Município que chega a adquirir mais de 50% dos produtos do pequeno agricultor.
Muitas crianças comem o que seus pais plantam.
Entretanto, agora elas correm o perigo de ficar sem ter o que comer na escola.
Sabemos todos dos benefícios de uma criança fazer as refeições na sua própria escola e de como isso alivia a situação dos mais carentes.
A situação é grave.


> Fonte © #TRIBUNADOSALGADO > Foto #DRITRINDADE
Tecnologia do Blogger.