#CLIMA “Vereadores podem não ver suas campanhas nas TVs”

Bragança > 31 de Agosto de 2016

Uma verdadeira tempestade de reclamações são previstas nas eleições de Bragança.
A campanha eleitoral em Bragança arrancou com alguns ajustes a serem feitos, um deles, o da própria televisão.
É que o Município tem a particularidade de não ter emissora geradora, apenas repetidora.
Isso as desobriga a transmitir em cadeia o horário eleitoral.
Entretanto, o SBT, num gesto patriótico, resolveu assumir a tarefa.
Ainda em fase de ajuste, já sente o peso das queixas de partidos e agências.
Isso porque o SBT não vai disponibilizar os 70 minutos exigidos pela Lei, mas apenas 60 minutos.
Os dez serão escalonados durante a programação.
Do tempo total eleitoral, dez minutos são dos majoritários, e sessenta, de inserções, que por sua vez são redivididas entre os candidatos majoritários e os proporcionais.
E para piorar a BAND está fora do ar e rumores dão conta de que a Record não fará a exibição dos proporcionais.
Ou seja, os candidatos a vereador estão num desespero.
Os que sairão na frente andam num verdadeiro corre-corre para entregar as suas mídias para exibição.


                                 Fonte © #TRIBUNADOSALGADO / Foto #DRITRINDADE

Tecnologia do Blogger.