FICCA - FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DO CAETÉ




#FICCA Jornal TRIBUNA DO SALGADO faz chamamento a gestores e coordenadores pedagógicos de escolas públicas e lideranças comunitárias e sindicais para construir colaborativamente o FESTIVAL INTERNACIONAL DE CINEMA DO CAETÉ - FICCA, sem ônus para as instituições, entidades, associações e escolas que se manifestarem interessadas em receber oficinas de formação audiovisual, cujos resultados serão filmes criados coletivamente e que irão à concurso no próprio FICCA. Jornada cultural sem fins lucrativos, o FICCA - Festival Internacional de Cinema do Caeté quer inverter a lógica que predomina o mercado audiovisual brasileiro, que obedece a padrões e regras comerciais, quando, ao contrário, deveria potencializar a liberdade criativa. O FICCA acontece em dezembro, mas até lá a organização do evento quer desenvolver parcerias com escolas publicas e associações comunitárias para criar redes colaborativas pela via das quais sejam produzidos filmes coletivos de natureza documental e social. Ainda este mês, o FICCA vai disponibilizar o regulamento e a ficha de inscrição, e toda a programação das oficinas de formação em Roteiro /Produção / Realização / Montagem de ficção e documentários, que a acontecerão de forma itinerante nas escolas da periferia e na zona rural de Bragança. O Festival é coordenado pelo diretor e editor da TRIBUNA DO SALGADO, Francisco Weyl, poeta e realizador de cinema, que ganhou o grande prêmio do Douro Filme Festival (2009), dirigiu o Festival Internacional de Cinema Social, FEST-FISC (2009/2010), conquistou o prêmio interações Estéticas - Residências Artísticas em pontos de Cultura da Funarte (2010). Atualmente, desenvolve oficinas audiovisuais em comunidades quilombolas de Cametá.
© TRIBUNA DO SALGADO (Arte cartaz: Rilke Penafort)
Tecnologia do Blogger.